Warning: Declaration of GW_GoPricing_Plugin_Installer_Skin::feedback($string) should be compatible with WP_Upgrader_Skin::feedback($string, ...$args) in /home/customer/www/mckimprensa.com.br/public_html/wp-content/plugins/go_pricing/includes/core/class_plugin_installer_skin.php on line 0

Warning: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /home/customer/www/mckimprensa.com.br/public_html/wp-content/plugins/go_pricing/includes/core/class_plugin_installer_skin.php:0) in /home/customer/www/mckimprensa.com.br/public_html/wp-includes/feed-rss2.php on line 8
MCK Comunicação Estratégica http://mckimprensa.com.br Tue, 22 Sep 2020 17:08:30 +0000 pt-BR hourly 1 https://wordpress.org/?v=5.6 Revista Grandes Construções destaca Cidade Pedra Branca http://mckimprensa.com.br/2020/09/revista-grandes-construcoes-destaca-cidade-pedra-branca/ http://mckimprensa.com.br/2020/09/revista-grandes-construcoes-destaca-cidade-pedra-branca/#respond Tue, 22 Sep 2020 17:08:30 +0000 http://mckimprensa.com.br/?p=2875

2020

Os pilares do novo urbanismo

Diante da cada vez mais acelerada transformação digital que estamos vivenciando, o novo urbanismo surge como uma resposta às inovações que estão sendo implementadas e que devem ser incorporadas no setor imobiliário
Fonte: Assessoria de Imprensa

Os pilares do novo urbanismo foram desenvolvidos para dar norte ao planejamento urbano das próximas décadas, estruturando conceitos e regras que podem fortalecer ainda mais a capacidade de desenvolvimento das cidades e da sociedade.

O conceito tem ganhado protagonismo nas discussões quando o assunto é transformação digital e sustentabilidade. Afinal, o bem-estar da população está diretamente associado à construção de cidades para pessoas. Essa tendência faz com que a preocupação em desenvolver cidades bem-planejadas torne-se cada vez necessário e urgente.

E o novo urbanismo é um movimento de planejamento urbano focado justamente em construir espaços voltados para as pessoas, melhorando a relação entre os indivíduos e a cidade, a partir da criação de ambientes que priorizem o bem-estar humano e o desenvolvimento sustentável de longo prazo.

Com isso, o movimento tem um impacto significativo no planejamento urbano e no desenvolvimento sustentável das cidades, reduzindo os impactos do ser humano sobre o meio ambiente.

Suas técnicas tornam possível, por exemplo, reduzir a movimentação de veículos e, consequentemente, diminuir o gás carbônico liberado na atmosfera, dando prioridade aos espaços ao ar livre e com ampla gama de habitações e estabelecimentos variados.

Impacto
Um exemplo de empreendimento que integra em seu projeto os pilares do novo urbanismo é a Cidade Criativa Pedra Branca, um bairro-cidade idealizado em Palhoça (SC) que se tornou referência em planejamento e desenvolvimento sustentável, sendo totalmente desenhado para dar protagonismo às pessoas, estimulando o convívio ao ar livre.

Empreendimentos como esse também são passíveis de valorização maior e mais rápida aos investidores, justamente porque promovem maior bem-estar aos seus moradores e melhores rendimentos aos proprietários.

No limite, empreendimentos planejados para proporcionar maior qualidade de vida, unindo lazer e trabalho, oferecem um valor agregado que pode ser um fator decisivo para o negócio.

Pilares
No novo urbanismo, afirma os organizadores empreendimento, é preciso pensar na mobilidade como centro do planejamento urbano.

Reduzir distâncias entre residências e estabelecimentos comerciais e de lazer, assim como criar ruas interconectadas para facilitar caminhadas e deslocamentos à pé são algumas das alternativas para reduzir o impacto ambiental e promover a ocupação do espaço público. Além disso, é importante incentivar o uso de transportes alternativos como bicicletas, patins e scooters a partir da criação de espaços amplos e seguros.

A tecnologia é uma grande aliada para reduzir os impactos no meio ambiente e tornar as cidades mais inteligentes. Os empreendimentos modernos oferecem recursos eficientes para melhor utilização de recursos naturais e fontes renováveis de energia, como a captação de água da chuva e armazenamento de energia solar.

Além de utilizar a natureza como recurso para controle de temperatura dos ambientes, como no caso do teto verde.

Projetar ambientes internos e externos, bonitos e arrojados, com ênfase na inovação, estética, praticidade e conforto é outra prioridade para o novo urbanismo.

Diversificar os tipos de construções, misturando casas, prédios, escritórios e pontos comerciais em um mesmo endereço torna mais eficiente a utilização dos serviços e cria espaços mais convenientes e agradáveis para viver. O importante é fazer com que as pessoas se sintam bem dentro dos empreendimentos, por este motivo os espaços são, geralmente, bastante elegantes, limpos e arborizados.

O novo urbanismo tem um impacto significativo no planejamento urbano e desenvolvimento sustentável das cidades, sendo capaz de reduzir os impactos do ser humano no meio ambiente.

A Cidade Criativa Pedra Branca é um exemplo de empreendimento que integra em seu projeto todos os pilares do novo urbanismo.

O bairro-cidade idealizado em Palhoça, SC, é referência em planejamento e desenvolvimento sustentável, pois foi completamente desenhado para dar protagonismo às pessoas, estimulando o convívio ao ar livre e sempre colocando a tecnologia e sustentabilidade em primeiro lugar e a favor dos moradores, frequentadores e visitantes.

A Cidade Criativa Pedra Branca atualmente registra uma população de 12 mil moradores, 8 mil trabalhadores e 7 mil estudantes. A partir do seu planejamento, em 2025 o empreendimento deverá comportar 30 mil habitantes em uma área de 1,7 milhão de metros quadrados e gerar, aproximadamente, 15 mil empregos.

O Plano Diretor da Cidade Pedra Branca foi desenvolvido por alguns dos maiores escritórios de arquitetura de Santa Catarina sob a consultoria de especialistas de renome internacional, como Jaime Lerner Arquitetura e Urbanismo, DPZ Latin America e Gehl Architects. De caráter inovador, a iniciativa rendeu premiações e reconhecimento internacional.

]]>
http://mckimprensa.com.br/2020/09/revista-grandes-construcoes-destaca-cidade-pedra-branca/feed/ 0
Jornale contra trajetória da DJ Katrip http://mckimprensa.com.br/2020/08/jornale-contra-trajetoria-da-dj-katrip/ http://mckimprensa.com.br/2020/08/jornale-contra-trajetoria-da-dj-katrip/#respond Sat, 29 Aug 2020 15:32:17 +0000 http://mckimprensa.com.br/?p=2871 dcfv.jpg

DJ de Florianópolis se destaca no cenário feminino do Funk

29/08/2020

Num mercado altamente competitivo e dominado pelos homens, a DJ Katrip se destaca entre as mulheres que estão fazendo a diferença no Funk Rave.

O Rave Funk surgiu há dois anos numa mistura do funk com a batida eletrônica das baladas. Essa mescla musical vem conquistando cada vez mais espaço na cena do funk, com um estilo musical que não pode faltar em festas nem em práticas esportivas que exijam um som contagiante.

O estilo Rave Funk ganhou lugar de destaque quando foi potencializado pelos eventos universitários no ano passado, unificando de vez a música eletrônica com o funk. O resultado é um som completamente diferente, que começa, normalmente com um hit eletrônico e, na hora do “drop”, o público é surpreendido por uma batida de funk metalizada.

Conhecida por suas apresentações em shows nos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, a DJ Katrip encontrou nas plataformas digitais de streaming uma forma de destacar suas produções musicais e ampliar sua inserção no mercado do entretenimento.

A artista é atualmente a DJ de Funk do sul mais tocada no Spotify. São mais de 450 mil plays em suas produções autorais com estilo musical pertencente ao movimento inovador conhecido como Rave Funk – que consiste na mistura do Funk com a música eletrônica.

A carreira profissional da DJ Katrip foi idealizada quando ela era produtora de eventos e gerenciava a parte artística da contratação dos DJs. “Neste processo senti necessidade de incluir mais DJs mulheres na seleção do ‘line up’ das festas”, declara DJ Katrip.

O fato se tornou um incentivo para que a artista se desenvolvesse buscando caminhos para a criação de suas músicas. Ela conta que a melhor decisão que teve foi a de começar. “O estudo musical é muito importante, claro, mas é a prática, a tentativa e erro e a persistência que geram aprendizado de verdade”, revela.

Desta maneira, a DJ Katrip que começou com singles solos hoje tem parcerias de sucesso com DJs como Diana Corrêa, DJ Léo Aves, DJ Lucas Loch, DJ Mikinev, além de outras que estão em desenvolvimento.

“Cada apresentação é única. É um imenso prazer tocar para um público que se contagia com a música energizante do Rave Funk”, finaliza. Enquanto as apresentações não retomam, a DJ Katrip faz uma grande imersão em seu estúdio para criar o maior numero de músicas de qualidade para encantar seus fãs.

Instagram: @camilakatrip

Spotify: DJ Katrip

]]>
http://mckimprensa.com.br/2020/08/jornale-contra-trajetoria-da-dj-katrip/feed/ 0
DJ Katrip no Portal Terra http://mckimprensa.com.br/2020/08/dj-katrip-no-portal-terra/ http://mckimprensa.com.br/2020/08/dj-katrip-no-portal-terra/#respond Fri, 28 Aug 2020 15:26:43 +0000 http://mckimprensa.com.br/?p=2868

DJ de Florianópolis se destaca no cenário feminino do Funk

28 AGO2020

O Rave Funk surgiu há dois anos numa mistura do funk com a batida eletrônica das baladas. Essa mescla musical vem conquistando cada vez mais espaço na cena do funk, com um estilo musical que não pode faltar em festas nem em práticas esportivas que exijam um som contagiante.

O estilo Rave Funk ganhou lugar de destaque quando foi potencializado pelos eventos universitários no ano passado, unificando de vez a música eletrônica com o funk. O resultado é um som completamente diferente, que começa, normalmente com um hit eletrônico e, na hora do “drop”, o público é surpreendido por uma batida de funk metalizada.

Conhecida por suas apresentações em shows nos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, a DJ Katrip encontrou nas plataformas digitais de streaming uma forma de destacar suas produções musicais e ampliar sua inserção no mercado do entretenimento.

A artista é atualmente a DJ de Funk do sul mais tocada no Spotify. São mais de 450 mil plays em suas produções autorais com estilo musical pertencente ao movimento inovador conhecido como Rave Funk – que consiste na mistura do Funk com a música eletrônica.

A carreira profissional da DJ Katrip foi idealizada quando ela era produtora de eventos e gerenciava a parte artística da contratação dos DJs. “Neste processo senti necessidade de incluir mais DJs mulheres na seleção do ‘line up’ das festas”, declara DJ Katrip.

O fato se tornou um incentivo para que a artista se desenvolvesse buscando caminhos para a criação de suas músicas. Ela conta que a melhor decisão que teve foi a de começar. “O estudo musical é muito importante, claro, mas é a prática, a tentativa e erro e a persistência que geram aprendizado de verdade”, revela.

Desta maneira, a DJ Katrip que começou com singles solos hoje tem parcerias de sucesso com DJs como Diana Corrêa, DJ Léo Aves, DJ Lucas Loch, DJ Mikinev, além de outras que estão em desenvolvimento.

“Cada apresentação é única. É um imenso prazer tocar para um público que se contagia com a música energizante do Rave Funk”, finaliza. Enquanto as apresentações não retomam, a DJ Katrip faz uma grande imersão em seu estúdio para criar o maior numero de músicas de qualidade para encantar seus fãs.

Instagram: @camilakatrip
Spotify: DJ Katrip

]]>
http://mckimprensa.com.br/2020/08/dj-katrip-no-portal-terra/feed/ 0
Notícias do Dia – Matéria sobre Cidade Pedra Branca http://mckimprensa.com.br/2020/08/noticias-do-dia-materia-sobre-cidade-pedra-branca/ http://mckimprensa.com.br/2020/08/noticias-do-dia-materia-sobre-cidade-pedra-branca/#respond Fri, 14 Aug 2020 13:50:46 +0000 http://mckimprensa.com.br/?p=2863

]]>
http://mckimprensa.com.br/2020/08/noticias-do-dia-materia-sobre-cidade-pedra-branca/feed/ 0
Portal ARQ SC divulga Pátio Civitas http://mckimprensa.com.br/2020/07/portal-arq-sc-divulga-patio-civitas/ http://mckimprensa.com.br/2020/07/portal-arq-sc-divulga-patio-civitas/#respond Mon, 06 Jul 2020 15:31:04 +0000 http://mckimprensa.com.br/?p=2859 Resultado de imagem para arqsc logo

Conceitos de coletividade e compartilhamento definem novo empreendimento na Cidade Pedra Branca

Momento será marcado por um show ao vivo exclusivo para os clientes, sem público, com transmissão pela Internet devido à pandemia. A atração especial será Dazaranha & Camerata.

Por REDAÇÃO

24 jun 2020

em ArquiteturaProjetosProjetos SCNotíciasUrbanismo
0
Conceitos de coletividade e compartilhamento definem novo empreendimento na Cidade Pedra Branca
CompartilharTweetarEnviar

Com o passar dos anos, conceitos que norteiam projetos de edificações vão se adequando aos novos comportamentos. Refletem, ainda, o modelo de urbanismo que se pretende construir ou reforçar. O Pátio Civitas, que será entregue nesta quinta-feira, dia 25, no bairro Cidade Pedra Branca, em Palhoça, é um exemplo de empreendimento que traz consigo uma concepção atual no modo de viver, traduzida na ideia de coletividade e compartilhamento.  

“Coletive-se” é o conceito do novo prédio, que incentiva o uso compartilhado de espaços e de utensílios e equipamentos em benefício do conforto, da praticidade e da eficiência.  Na área de serviços, por exemplo, o morador encontra lavanderia de uso comum, totalmente equipada. Na oficina, além de bancadas de trabalho, estão disponibilizados, para uso comum, escada, aspirador de pó, caixa de ferramentas, parafusadeira e outros utensílios de uso não frequente.

O bicicletário segue a mesma linha, oferecendo vagas para bicicletas, no subsolo das torres e no pátio interno. O Pátio Civitas ainda disponibiliza seis bikes elétricas para uso compartilhado pelos moradores.

Relação com a rua

O Pátio Civitas é o sétimo empreendimento a ser entregue pela Cidade Pedra Branca na nova centralidade de bairro, planejada a partir dos conceitos do Novo Urbanismo e da sustentabilidade, com o objetivo de criar um bairro-cidade onde é possível morar, trabalhar, estudar e se divertir “ao alcance de uma caminhada”.

Aliás, a forte relação com a rua é fator determinando do projeto, conceito materializado a partir de uma qualificada alameda, com arborização, mobiliário urbano e outros equipamentos públicos disponíveis para moradores e frequentadores do bairro. Essa alameda vai estabelecer a conexão do empreendimento às demais estruturas do entorno.

Projeto ARK7

O Pátio Civitas está localizado no Passeio Pedra Branca, o “shopping a céu aberto” da Cidade Pedra Branca, com supermercado, lojas, diversas opções de serviços e mais de 20 operações gastronômicas. O empreendimento foi organizado em duas torres paralelas com 11 pavimentos tipos, térreo e subsolo, conforme projeto arquitetônico desenvolvido pela ARK7 Arquitetos, escritório comandado pelos arquitetos e urbanistas Adriano Kremer, Giovani Bonetti, Leandro Rotolo, Marcos Jobim, Silvana Carlevaro Jobim e Tais Marchetti Bonetti. E tem projeto paisagístico da JA8 Arquitetura e Paisagem, da arquiteta Juliana Castro e da engenheira Clarice Wolowski.

As torres foram implantadas no terreno de maneira a conformarem um pátio central, importante elemento integrador do projeto. Nele encontram-se espaços livres abertos de lazer, as piscinas adulto e infantil, playground e horta coletiva.

A área comum ainda conta com salão de festas, brinquedoteca, espaço gourmet, bicicletário, além de espaços compartilhados de convivência, lavanderia e oficina. No total, são mais de 18 mil metros quadrados de área construída.

As plantas foram pensadas para proporcionar o aproveitamento funcional e inteligente dos espaços. A organização eficiente e a integração dos ambientes foram priorizadas no projeto dos apartamentos, de dois e três dormitórios, com unidades entre 65 metros quadrados e 140 metros quadrados.

Uso de tecnologia

A entrega das unidades deverá surpreender os clientes. Isso porque foram feitas melhorias na edificação em relação às especificações iniciais previstas no memorial, como, por exemplo, a inclusão de persianas elétricas e a instalação de fechadura digital na porta de entrada da unidade, com opções de acesso por senha, tag ou biometria.

Outra novidade do Pátio Civitas é a adoção de tecnologias inovadoras para a gestão das informações do empreendimento fornecidas por duas startups de Florianópolis: a Predialize e a Checklist Fácil.

A Predialize é uma plataforma para gestão eficiente do pós-obra, pela qual estarão disponibilizados o Manual do Proprietário e o Manual do Síndico de forma digital e interativa.

Por meio da leitura de um QRcode que estará fixado no quadro elétrico do apartamento, o morador terá acesso à a documentação do imóvel, plantas, especificações dos materiais utilizados, recomendações de uso, tempo de garantia, entre outras informações.

No momento da entrega da unidade, outra inovação: a adoção do Checklist Fácil – plataforma de checklist eletrônico para padronizar e otimizar as informações para a vistoria do imóvel. A plataforma fornece um roteiro de vistoria com o cliente, que permite apontar se algo não está em conformidade, tirar fotos de uma eventual irregularidade e inserir comentários. O cliente assina no próprio tablet e recebe cópia do checklist por e-mail.

Alto desempenho e sustentabilidade

O planejamento do empreendimento seguiu às determinações da NBR 15.575, a chamada Norma de Desempenho de Edificações, para garantia de qualidade e conforto e segurança. “Foram feitos estudos com o objetivo de determinar o desempenho térmico das paredes das fachadas e o desempenho acústico dos sistemas de vedações verticais externas (fachada), internas (paredes internas) e sistemas de pisos (lajes) das unidades habitacionais do empreendimento”, explica Juliana Dal Piva, arquiteta no Grupo Pedra Branca.

Segundo ela, foi feita, também, uma simulação para determinar o desempenho lumínico das unidades habitacionais, quanto ao critério de iluminação natural. Janelas com amplos vãos de abertura privilegiam a incidência de luz natural nos espaços internos.

A edificação apresenta sistema de captação de água da chuva para reuso em irrigação de jardim e nos vasos sanitários e aquecimento de água das unidades por um sistema integrado de aquecedor de passagem individual a gás e placas solares. (com assessoria de imprensa).

 Para saber mais clique aqui. 

Tags: 

]]>
http://mckimprensa.com.br/2020/07/portal-arq-sc-divulga-patio-civitas/feed/ 0
Inauguração Pátio Civitas no Palavra Palhocense http://mckimprensa.com.br/2020/07/inauguracao-patio-civitas-no-palavra-palhocense/ http://mckimprensa.com.br/2020/07/inauguracao-patio-civitas-no-palavra-palhocense/#respond Sat, 04 Jul 2020 15:27:36 +0000 http://mckimprensa.com.br/?p=2855 Do Vale Online

Cidade Pedra Branca inaugura Pátio Civitas

Empreendimento tem foco na coletividade

c82712d1eca50e57d967d6ed50c8c56c.jpgFoto: DIVULGAÇÃO

Convívio entre pessoas, coletividade, integração com a natureza, vida ao ar livre, inovação e sustentabilidade faze parte do conceito do Pátio Civitas, empreendimento que será inaugurado nesta quinta-feira (25) pela Cidade Criativa Pedra Branca, bairro-cidade que é referência internacional em planejamento urbano sustentável.

A conclusão das obras do empreendimento, cujo valor geral de vendas (VGV) é de R$ 73,5 milhões, ocorre no prazo acordado com os clientes. “Passado o período de suspensão das obras por conta da pandemia de conoravírus, as obras seguiram em ritmo acelerado, apesar da equipe ter ficado reduzida, devido às restrições aos trabalhadores dos grupos de risco”, explica Flávio Ludvig, engenheiro responsável pela obra.

O momento será marcado por um evento com formato diferenciado: um show ao vivo exclusivo para os clientes, sem público, com transmissão pela internet, conforme a nova ordem mundial devido à pandemia. A atração especial será Dazaranha & Camerata.

O Pátio Civitas está localizado no Passeio Pedra Branca, o “shopping a céu aberto” da Cidade Pedra Branca, com supermercado, lojas, diversas opções de serviços e mais de 20 operações gastronômicas. O empreendimento foi organizado em duas torres paralelas com 11 pavimentos, conforme projeto arquitetônico desenvolvido pela ARK7 Arquitetos, escritório comandado pelos arquitetos e urbanistas Adriano Kremer, Giovani Bonetti, Leandro Rotolo, Marcos Jobim, Silvana Carlevaro Jobim e Tais Marchetti Bonetti. E tem projeto paisagístico da JA8 Arquitetura e Paisa gem, da arquiteta Juliana Castro e da engenheira Clarice Wolowski.

As torres foram implantadas no terreno de maneira a conformarem um pátio central, importante elemento integrador do projeto. Nele encontram-se espaços livres abertos de lazer, as piscinas adulto e infantil, playground e horta coletiva.

A área comum ainda conta com salão de festas, brinquedoteca, espaço gourmet, bicicletário, além de espaços compartilhados de convivência, lavanderia e oficina. No total, são mais de 18 mil metros quadrados de área construída.

As plantas foram pensadas para proporcionar o aproveitamento funcional e inteligente dos espaços. A organização eficiente e a integração dos ambientes foram priorizadas no projeto dos apartamentos, de dois e três dormitórios, com unidades entre 65 metros quadrados e 140 metros quadrados.

A forte relação com a rua é outro importante diferencial do Pátio Civitas. Com gentileza urbana, o Pátio Civitas dará origem a uma qualificada alameda, com arborização, mobiliário urbano e outros equipamentos públicos disponíveis para moradores e frequentadores do bairro. Essa alameda vai estabelecer a conexão do empreendimento às demais estruturas do entorno.

Coletive-se

De caráter inovador, o empreendimento nasce sob o conceito “Coletive-se”, o qual incentiva o uso compartilhado de espaços e, também, de utensílios e equipamentos em benefício do conforto, da praticidade e da eficiência. Na área de serviços, por exemplo, o morador encontra lavanderia de uso comum, totalmente equipada.

Na oficina, além de bancadas de trabalho, estão disponibilizados, para uso compartilhado, escada, aspirador de pó, caixa de ferramentas, parafusadeira e outros utensílios de uso não frequente.

O bicicletário segue o mesmo conceito. Além de oferecer de diversas vagas para bicicletas, no subsolo das torres e no pátio interno, o Pátio Civitas ainda disponibiliza seis bikes elétricas para uso compartilhado pelos moradores.

Surpresa na entrega

A entrega das unidades deverá surpreender os clientes. Isso porque foram feitas melhorias na edificação em relação às especificações iniciais previstas no memorial, como, por exemplo, a inclusão de persianas elétricas e a instalação de fechadura digital na porta de entrada da unidade, com opções de acesso por senha, tag ou biometria.

Tecnologia e informação

Outra novidade do Pátio Civitas é a adoção de tecnologias inovadoras para a gestão das informações do empreendimento fornecidas por duas startups de Florianópolis: a Predialize e a Checklist Fácil.

A Predialize é uma plataforma para gestão eficiente do pós-obra, pela qual estarão disponibilizados o Manual do Proprietário e o Manual do Síndico de forma digital e interativa.

Por meio da leitura de um QRcode que estará fixado no quadro elétrico do apartamento, o morador terá acesso à a documentação do imóvel, plantas, especificações dos materiais utilizados, recomendações de uso, tempo de garantia, entre outras informações.

No momento da entrega da unidade, outra inovação: a adoção do Checklist Fácil – plataforma de checklist eletrônico para padronizar e otimizar as informações para a vistoria do imóvel. A plataforma fornece um roteiro de vistoria com o cliente, que permite apontar se algo não está em conformidade, tirar fotos de uma eventual irregularidade e inserir comentários. O cliente assina no próprio tablet e recebe cópia do checklist por e-mail.

Alto desempenho e sustentabilidade

O planejamento do empreendimento seguiu as determinações da NBR 15.575, a chamada Norma de Desempenho de Edificações, para garantia de qualidade e conforto e segurança. “Foram feitos estudos com o objetivo de determinar o desempenho térmico das paredes das fachadas e o desempenho acústico dos sistemas de vedações verticais externas (fachada), internas (paredes internas) e sistemas de pisos (lajes) das unidades habitacionais do empreendimento”, explica Juliana Dal Piva, arquiteta no Grupo Pedra Branca.

Segundo ela, foi feita, também, uma simulação para determinar o desempenho lumínico das unidades habitacionais, quanto ao critério de iluminação natural. Janelas com amplos vãos de abertura privilegiam a incidência de luz natural nos espaços internos.

A edificação apresenta sistema de captação de água da chuva para reuso em irrigação de jardim e nos vasos sanitários e aquecimento de água das unidades por um sistema integrado de aquecedor de passagem individual a gás e placas solares.

O Pátio Civitas é o sétimo empreendimento a ser entregue pela Cidade Pedra Branca na nova centralidade de bairro, planejada a partir dos conceitos do Novo Urbanismo e da sustentabilidade, com o objetivo de criar um bairro-cidade onde é possível morar, trabalhar, estudar e se divertir “ao alcance de uma caminhada”.

O Plano Diretor da Cidade Pedra Branca foi desenvolvido por alguns dos maiores escritórios de arquitetura de Santa Catarina sob a consultoria de especialistas de renome internacional, como Jaime Lerner Arquitetura e Urbanismo, DPZ Latin America e Gehl Architects. De caráter inovador, a iniciativa rendeu premiações e reconhecimento internacional.

Galeria de fotos: 3 fotos

 




Créditos: DIVULGAÇÃO
Cidade Pedra Branca inaugura Pátio CivitasCidade Pedra Branca inaugura Pátio CivitasCidade Pedra Branca inaugura Pátio Civitas
]]>
http://mckimprensa.com.br/2020/07/inauguracao-patio-civitas-no-palavra-palhocense/feed/ 0
Mundo Marketing destaca Pátio Civitas http://mckimprensa.com.br/2020/07/mundo-marketing-destaca-patio-civitas/ http://mckimprensa.com.br/2020/07/mundo-marketing-destaca-patio-civitas/#respond Wed, 01 Jul 2020 15:23:05 +0000 http://mckimprensa.com.br/?p=2851 Mundo do Marketing

Empreendimento com foco na coletividade é inaugurado na Cidade Pedra Branca

Convívio entre pessoas, coletividade, integração com a natureza, vida ao ar livre, inovação e sustentabilidade. Esse é o conceito do empreendimento que será inaugurado pela Cidade Criativa Pedra Branca, em Palhoça, na Grande Florianópolis (SC), um bairro-cidade feito para as pessoas, referência internacional em planejamento urbano sustentável.

Palhoça, Santa Catarina

Categoria: Propaganda e Marketing

 

 

Com gentileza urbana, o empreendimento dará origem a uma qualificada alameda, com arborização, mobiliário urbano e outros equipamentos públicos disponíveis para moradores e frequentadores do bairro. Essa alameda vai estabelecer a conexão do empreendimento às demais estruturas do entorno.

A conclusão das obras do empreendimento, cujo o VGV (valor geral de vendas) é de R$ 73, 5 milhões, ocorre no prazo acordado com os clientes. “Passado o período de suspensão das obras por conta da pandemia de conoravírus, as obras seguiram em ritmo acelerado, apesar da equipe ter ficado reduzida, devido às restrições aos trabalhadores dos grupos de risco”, explica Flávio Ludvig, engenheiro responsável pela obra.

O momento será marcado por um evento com formato diferenciado: um show ao vivo exclusivo para os clientes, sem público, com transmissão pela Internet, conforme a nova ordem mundial devido à pandemia. A atração especial será Dazaranha & Camerata.

O Pátio Civitas está localizado no Passeio Pedra Branca, o “shopping a céu aberto” da Cidade Pedra Branca, com supermercado, lojas, diversas opções de serviços e mais de 20 operações gastronômicas. O empreendimento foi organizado em duas torres paralelas com 11 pavimentos tipos, térreo e subsolo, conforme projeto arquitetônico desenvolvido pela ARK7 Arquitetos, escritório comandado pelos arquitetos e urbanistas Adriano Kremer, Giovani Bonetti, Leandro Rotolo, Marcos Jobim, Silvana Carlevaro Jobim e Tais Marchetti Bonetti. E tem projeto paisagístico da JA8 Arquitetura e Paisagem, da arquiteta Juliana Castro e da engenheira Clarice Wolowski.

As torres foram implantadas no terreno de maneira a conformarem um pátio central, importante elemento integrador do projeto. Nele encontram-se espaços livres abertos de lazer, as piscinas adulto e infantil, playground e horta coletiva.

A área comum ainda conta com salão de festas, brinquedoteca, espaço gourmet, bicicletário, além de espaços compartilhados de convivência, lavanderia e oficina. No total, são mais de 18 mil metros quadrados de área construída.

As plantas foram pensadas para proporcionar o aproveitamento funcional e inteligente dos espaços. A organização eficiente e a integração dos ambientes foram priorizadas no projeto dos apartamentos, de dois e três dormitórios, com unidades entre 65 metros quadrados e 140 metros quadrados.

De caráter inovador, o empreendimento nasce sob o conceito “Coletive-se”, o qual incentiva o uso compartilhado de espaços e, também, de utensílios e equipamentos em benefício do conforto, da praticidade e da eficiência. Na área de serviços, por exemplo, o morador encontra lavanderia de uso comum, totalmente equipada.

Na oficina, além de bancadas de trabalho, estão disponibilizados, para uso compartilhado, escada, aspirador de pó, caixa de ferramentas, parafusadeira e outros utensílios de uso não frequente.

O bicicletário segue o mesmo conceito. Além de oferecer de diversas vagas para bicicletas, no subsolo das torres e no pátio interno, o Pátio Civitas ainda disponibiliza seis bikes elétricas para uso compartilhado pelos moradores.

A entrega das unidades deverá surpreender os clientes. Isso porque foram feitas melhorias na edificação em relação às especificações iniciais previstas no memorial, como, por exemplo, a inclusão de persianas elétricas e a instalação de fechadura digital na porta de entrada da unidade, com opções de acesso por senha, tag ou biometria.

Outra novidade do Pátio Civitas é a adoção de tecnologias inovadoras para a gestão das informações do empreendimento fornecidas por duas startups de Florianópolis: a Predialize e a Checklist Fácil.

A Predialize é uma plataforma para gestão eficiente do pós-obra, pela qual estarão disponibilizados o Manual do Proprietário e o Manual do Síndico de forma digital e interativa.

Por meio da leitura de um QRcode que estará fixado no quadro elétrico do apartamento, o morador terá acesso à a documentação do imóvel, plantas, especificações dos materiais utilizados, recomendações de uso, tempo de garantia, entre outras informações.

No momento da entrega da unidade, outra inovação: a adoção do Checklist Fácil – plataforma de checklist eletrônico para padronizar e otimizar as informações para a vistoria do imóvel. A plataforma fornece um roteiro de vistoria com o cliente, que permite apontar se algo não está em conformidade, tirar fotos de uma eventual irregularidade e inserir comentários. O cliente assina no próprio tablet e recebe cópia do checklist por e-mail.

O planejamento do empreendimento seguiu às determinações da NBR 15.575, a chamada Norma de Desempenho de Edificações, para garantia de qualidade e conforto e segurança. “Foram feitos estudos com o objetivo de determinar o desempenho térmico das paredes das fachadas e o desempenho acústico dos sistemas de vedações verticais externas (fachada), internas (paredes internas) e sistemas de pisos (lajes) das unidades habitacionais do empreendimento”, explica Juliana Dal Piva, arquiteta no Grupo Pedra Branca.

Segundo ela, foi feita, também, uma simulação para determinar o desempenho lumínico das unidades habitacionais, quanto ao critério de iluminação natural. Janelas com amplos vãos de abertura privilegiam a incidência de luz natural nos espaços internos.

A edificação apresenta sistema de captação de água da chuva para reuso em irrigação de jardim e nos vasos sanitários e aquecimento de água das unidades por um sistema integrado de aquecedor de passagem individual a gás e placas solares.

O Pátio Civitas é o sétimo empreendimento a ser entregue pela Cidade Pedra Branca na nova centralidade de bairro, planejada a partir dos conceitos do Novo Urbanismo e da sustentabilidade, com o objetivo de criar um bairro-cidade onde é possível morar, trabalhar, estudar e se divertir “ao alcance de uma caminhada”.

O Plano Diretor da Cidade Pedra Branca foi desenvolvido por alguns dos maiores escritórios de arquitetura de Santa Catarina sob a consultoria de especialistas de renome internacional, como Jaime Lerner Arquitetura e Urbanismo, DPZ Latin America e Gehl Architects. De caráter inovador, a iniciativa rendeu premiações e reconhecimento internacional.

http://www.cidadepedrabranca.com.br

]]>
http://mckimprensa.com.br/2020/07/mundo-marketing-destaca-patio-civitas/feed/ 0
Cidade Pedra Branca no Tudo Sobre Floripa http://mckimprensa.com.br/2020/06/cidade-pedra-branca-no-tudo-sobre-floripa/ http://mckimprensa.com.br/2020/06/cidade-pedra-branca-no-tudo-sobre-floripa/#respond Sun, 28 Jun 2020 15:20:43 +0000 http://mckimprensa.com.br/?p=2848 Tudo Sobre Floripa

NOTÍCIAS

ECONOMIA E NEGÓCIOSPALHOÇA

Cidade Pedra Branca inaugura Pátio Civitas, empreendimento com foco na coletividade

Momento será marcado por show ao vivo, exclusivo aos clientes, da banda Dazaranha e Camerata

Por: Direto da Redação TSF

Cidade Pedra Branca inaugura Pátio Civitas, empreendimento com foco na coletividade(Foto: divulgação)

Convívio entre pessoas, coletividade, integração com a natureza, vida ao ar livre, inovação e sustentabilidade. Esse é o conceito do empreendimento que será inaugurado na quinta (25) pela Cidade Criativa Pedra Branca, em Palhoça, um bairro-cidade feito para as pessoas, referência internacional em planejamento urbano sustentável.

A conclusão das obras do empreendimento Pátio Civitas, cujo o VGV (valor geral de vendas) é de R$ 73, 5 milhões, ocorre no prazo acordado com os clientes.

– Passado o período de suspensão das obras por conta da pandemia de conoravírus, as obras seguiram em ritmo acelerado, apesar da equipe ter ficado reduzida, devido às restrições aos trabalhadores dos grupos de risco -, explica Flávio Ludvig, engenheiro responsável pela obra.

O momento será marcado por um evento com formato diferenciado: um show ao vivo exclusivo para os clientes, sem público, com transmissão pela Internet, conforme a nova ordem mundial devido à pandemia. A atração especial será Dazaranha & Camerata.

(Foto: divulgação)(Foto: divulgação)

O Pátio Civitas está localizado no Passeio Pedra Branca, o “shopping a céu aberto” da Cidade Pedra Branca, com supermercado, lojas, diversas opções de serviços e mais de 20 operações gastronômicas. O empreendimento foi organizado em duas torres paralelas com 11 pavimentos tipos, térreo e subsolo, conforme projeto arquitetônico desenvolvido pela ARK7 Arquitetos, escritório comandado pelos arquitetos e urbanistas Adriano Kremer, Giovani Bonetti, Leandro Rotolo, Marcos Jobim, Silvana Carlevaro Jobim e Tais Marchetti Bonetti. E tem projeto paisagístico da JA8 Arquitetura e Paisa gem, da arquiteta Juliana Castro e da engenheira Clarice Wolowski.

As torres foram implantadas no terreno de maneira a conformarem um pátio central, importante elemento integrador do projeto. Nele encontram-se espaços livres abertos de lazer, as piscinas adulto e infantil, playground e horta coletiva.

A área comum ainda conta com salão de festas, brinquedoteca, espaço gourmet, bicicletário, além de espaços compartilhados de convivência, lavanderia e oficina. No total, são mais de 18 mil metros quadrados de área construída.

As plantas foram pensadas para proporcionar o aproveitamento funcional e inteligente dos espaços. A organização eficiente e a integração dos ambientes foram priorizadas no projeto dos apartamentos, de dois e três dormitórios, com unidades entre 65 metros quadrados e 140 metros quadrados.

A forte relação com a rua é outro importante diferencial do Pátio Civitas. Com gentileza urbana, o Pátio Civitas dará origem a uma qualificada alameda, com arborização, mobiliário urbano e outros equipamentos públicos disponíveis para moradores e frequentadores do bairro. Essa alameda vai estabelecer a conexão do empreendimento às demais estruturas do entorno.

(Foto: divulgação)(Foto: divulgação)

Coletive-se
De caráter inovador, o empreendimento nasce sob o conceito “Coletive-se”, o qual incentiva o uso compartilhado de espaços e, também, de utensílios e equipamentos em benefício do conforto, da praticidade e da eficiência.  Na área de serviços, por exemplo, o morador encontra lavanderia de uso comum, totalmente equipada.

Na oficina, além de bancadas de trabalho, estão disponibilizados, para uso compartilhado, escada, aspirador de pó, caixa de ferramentas, parafusadeira e outros utensílios de uso não frequente.

O bicicletário segue o mesmo conceito. Além de oferecer de diversas vagas para bicicletas, no subsolo das torres e no pátio interno, o Pátio Civitas ainda disponibiliza seis bikes elétricas para uso compartilhado pelos moradores.

Surpresa na entrega
A entrega das unidades deverá surpreender os clientes. Isso porque foram feitas melhorias na edificação em relação às especificações iniciais previstas no memorial, como, por exemplo, a inclusão de persianas elétricas e a instalação de fechadura digital na porta de entrada da unidade, com opções de acesso por senha, tag ou biometria.

Tecnologia e informação
Outra novidade do Pátio Civitas é a adoção de tecnologias inovadoras para a gestão das informações do empreendimento fornecidas por duas startups de Florianópolis: a Predialize e a Checklist Fácil.

A Predialize é uma plataforma para gestão eficiente do pós-obra, pela qual estarão disponibilizados o Manual do Proprietário e o Manual do Síndico de forma digital e interativa.

Por meio da leitura de um QRcode que estará fixado no quadro elétrico do apartamento, o morador terá acesso à a documentação do imóvel, plantas, especificações dos materiais utilizados, recomendações de uso, tempo de garantia, entre outras informações.

No momento da entrega da unidade, outra inovação: a adoção do Checklist Fácil – plataforma de checklist eletrônico para padronizar e otimizar as informações para a vistoria do imóvel. A plataforma fornece um roteiro de vistoria com o cliente, que permite apontar se algo não está em conformidade, tirar fotos de uma eventual irregularidade e inserir comentários. O cliente assina no próprio tablet e recebe cópia do checklist por e-mail.

Alto desempenho e sustentabilidade
O planejamento do empreendimento seguiu às determinações da NBR 15.575, a chamada Norma de Desempenho de Edificações, para garantia de qualidade e conforto e segurança.

– Foram feitos estudos com o objetivo de determinar o desempenho térmico das paredes das fachadas e o desempenho acústico dos sistemas de vedações verticais externas (fachada), internas (paredes internas) e sistemas de pisos (lajes) das unidades habitacionais do empreendimento -, explica Juliana Dal Piva, arquiteta no Grupo Pedra Branca.

Segundo ela, foi feita, também, uma simulação para determinar o desempenho lumínico das unidades habitacionais, quanto ao critério de iluminação natural. Janelas com amplos vãos de abertura privilegiam a incidência de luz natural nos espaços internos.

A edificação apresenta sistema de captação de água da chuva para reuso em irrigação de jardim e nos vasos sanitários e aquecimento de água das unidades por um sistema integrado de aquecedor de passagem individual a gás e placas solares.

O Pátio Civitas é o sétimo empreendimento a ser entregue pela Cidade Pedra Branca na nova centralidade de bairro, planejada a partir dos conceitos do Novo Urbanismo e da sustentabilidade, com o objetivo de criar um bairro-cidade onde é possível morar, trabalhar, estudar e se divertir “ao alcance de uma caminhada”.

O Plano Diretor da Cidade Pedra Branca foi desenvolvido por alguns dos maiores escritórios de arquitetura de Santa Catarina sob a consultoria de especialistas de renome internacional, como Jaime Lerner Arquitetura e Urbanismo, DPZ Latin America e Gehl Architects. De caráter inovador, a iniciativa rendeu premiações e reconhecimento internacional.

]]>
http://mckimprensa.com.br/2020/06/cidade-pedra-branca-no-tudo-sobre-floripa/feed/ 0
Revista Área faz matéria sobre inauguração do Pátio Civitas http://mckimprensa.com.br/2020/06/revista-area-faz-materia-sobre-inauguracao-do-patio-civitas/ http://mckimprensa.com.br/2020/06/revista-area-faz-materia-sobre-inauguracao-do-patio-civitas/#respond Thu, 25 Jun 2020 15:18:58 +0000 http://mckimprensa.com.br/?p=2844 Revista ÁREA

Notícias

Santa Catarina ganha empreendimento com foco em coletividade

Convívio entre pessoas, coletividade, integração com a natureza, vida ao ar livre, inovação e sustentabilidade. Esse é o conceito do empreendimento que será inaugurado no dia 25 de junho pela Cidade Criativa Pedra Branca, em Palhoça, na Grande Florianópolis (SC), bairro-cidade referência internacional em planejamento urbano sustentável.

Pátio Civitas é o sétimo empreendimento a ser entregue pela Cidade Pedra Branca na nova centralidade de bairro, planejada a partir dos conceitos do Novo Urbanismo e da sustentabilidade, com o objetivo de criar um bairro-cidade onde é possível morar, trabalhar, estudar e se divertir “ao alcance de uma caminhada”. O Plano Diretor da Cidade Pedra Branca foi desenvolvido por alguns dos maiores escritórios de arquitetura de Santa Catarina sob a consultoria de especialistas de renome internacional, como Jaime Lerner Arquitetura e Urbanismo, DPZ Latin America e Gehl Architects. De caráter inovador, a iniciativa rendeu premiações e reconhecimento internacional.

Apesar da determinação de paralisação temporária das atividades da construção civil este ano em decorrência da pandemia de coronavírus, a conclusão das obras do empreendimento Pátio Civitas ocorre no prazo acordado com os clientes. “Passado o período de suspensão, as obras seguiram em ritmo acelerado, apesar da equipe ter ficado reduzida, devido às restrições aos trabalhadores dos grupos de risco”, explica Flávio Ludvig, engenheiro responsável pela obra. A celebração da conclusão das obras será marcada por um evento com formato diferenciado: um show ao vivo exclusivo, sem público, com transmissão pelo canal da Cidade Pedra Branca no YouTube, conforme a nova ordem mundial devido à pandemia. A atração especial será Dazaranha & Camerata Florianópolis

ESTÍMULO À CONVIVÊNCIA

O Pátio Civitas está localizado no Passeio Pedra Branca, o “shopping a céu aberto” da Cidade Pedra Branca, com supermercado, lojas, diversas opções de serviços e mais de 20 operações gastronômicas. O empreendimento foi organizado em duas torres paralelas com 11 pavimentos tipos, térreo e subsolo, conforme projeto arquitetônico desenvolvido pela ARK7 Arquitetos, escritório comandado pelos arquitetos e urbanistas Adriano Kremer, Giovani Bonetti, Leandro Rotolo, Marcos Jobim, Silvana Carlevaro Jobim e Tais Marchetti Bonetti. O projeto de arquitetura paisagística é da JA8 Arquitetura e Paisagem, da arquiteta Juliana Castro e da engenheira Clarice Wolowski.

As torres foram implantadas no terreno de maneira a conformarem um pátio central, importante elemento integrador do projeto. Nele encontram-se espaços livres abertos de lazer, as piscinas adulto e infantil, playground e horta coletiva. A área comum ainda conta com salão de festas, brinquedoteca, espaço gourmet, bicicletário, além de espaços compartilhados de convivência, lavanderia e oficina, projetados pelo escritório StudioM. No total, são mais de 18 mil metros quadrados de área construída.

As plantas foram pensadas para proporcionar o aproveitamento funcional e inteligente dos espaços. A organização eficiente e a integração dos ambientes foram priorizadas no projeto dos apartamentos, de dois e três dormitórios, com unidades entre 65 metros quadrados e 140 metros quadrados.

A forte relação com a rua é outro importante diferencial do Pátio Civitas. Com gentileza urbana, o Pátio Civitas dará origem a uma qualificada alameda, com arborização, mobiliário urbano e outros equipamentos públicos disponíveis para moradores e frequentadores do bairro. Essa alameda vai estabelecer a conexão do empreendimento às demais estruturas do entorno.

COLETIVE-SE

De caráter inovador, o empreendimento nasce sob o conceito “Coletive-se”, o qual incentiva o uso compartilhado de espaços e, também, de utensílios e equipamentos em benefício do conforto, da praticidade e da eficiência. Na área de serviços, por exemplo, o morador encontra lavanderia de uso comum, totalmente equipada.

Na oficina, além de bancadas de trabalho, estão disponibilizados, para uso compartilhado, escada, aspirador de pó, caixa de ferramentas, parafusadeira e outros utensílios de uso não frequente. O bicicletário segue o mesmo conceito. Além de oferecer de diversas vagas para bicicletas, no subsolo das torres e no pátio interno, o Pátio Civitas ainda disponibiliza seis bikes elétricas para uso compartilhado pelos moradores.

ALTO DESEMPENHO E SUSTENTABILIDADE

O planejamento do empreendimento seguiu às determinações da NBR 15.575, a chamada Norma de Desempenho de Edificações, para garantia de qualidade e conforto e segurança. “Foram feitos estudos com o objetivo de determinar o desempenho térmico das paredes das fachadas e o desempenho acústico dos sistemas de vedações verticais externas (fachada), internas (paredes internas) e sistemas de pisos (lajes) das unidades habitacionais do empreendimento”, explica Juliana Dal Piva, arquiteta no Grupo Pedra Branca.

Segundo ela, foi feita, também, uma simulação para determinar o desempenho lumínico das unidades habitacionais, quanto ao critério de iluminação natural. Janelas com amplos vãos de abertura privilegiam a incidência de luz natural nos espaços internos. A edificação apresenta sistema de captação de água da chuva para reuso em irrigação de jardim e nos vasos sanitários e aquecimento de água das unidades por um sistema integrado de aquecedor de passagem individual a gás e placas solares.

Fotos: Lio Simas | Divulgação















Tags:

]]>
http://mckimprensa.com.br/2020/06/revista-area-faz-materia-sobre-inauguracao-do-patio-civitas/feed/ 0
Pátio Civitas na Revista Onne & Only http://mckimprensa.com.br/2020/06/patio-civitas-na-revista-onne-only/ http://mckimprensa.com.br/2020/06/patio-civitas-na-revista-onne-only/#respond Wed, 24 Jun 2020 15:16:43 +0000 http://mckimprensa.com.br/?p=2841 Logo Revista Onne&Only

Cidade Pedra Branca inaugura Pátio Civitas, empreendimento com foco na coletividade

Momento será marcado por show ao vivo, exclusivo aos clientes, da banda Dazaranha e Camerata.

Convívio entre pessoas, coletividade, integração com a natureza, vida ao ar livre, inovação e sustentabilidade. Esse é o conceito do empreendimento que será inaugurado no dia 25 de junho pela Cidade Criativa Pedra Branca, em Palhoça, na Grande Florianópolis (SC), um bairro-cidade feito para as pessoas, referência internacional em planejamento urbano sustentável.

A conclusão das obras do empreendimento Pátio Civitas, cujo o VGV (valor geral de vendas) é de R$ 73, 5 milhões, ocorre no prazo acordado com os clientes. “Passado o período de suspensão das obras por conta da pandemia de conoravírus, as obras seguiram em ritmo acelerado, apesar da equipe ter ficado reduzida, devido às restrições aos trabalhadores dos grupos de risco”, explica Flávio Ludvig, engenheiro responsável pela obra.

O momento será marcado por um evento com formato diferenciado: um show ao vivo exclusivo para os clientes, sem público, com transmissão pela Internet, conforme a nova ordem mundial devido à pandemia. A atração especial será Dazaranha & Camerata.

O Pátio Civitas está localizado no Passeio Pedra Branca, o “shopping a céu aberto” da Cidade Pedra Branca, com supermercado, lojas, diversas opções de serviços e mais de 20 operações gastronômicas. O empreendimento foi organizado em duas torres paralelas com 11 pavimentos tipos, térreo e subsolo, conforme projeto arquitetônico desenvolvido pela ARK7 Arquitetos, escritório comandado pelos arquitetos e urbanistas Adriano Kremer, Giovani Bonetti, Leandro Rotolo, Marcos Jobim, Silvana Carlevaro Jobim e Tais Marchetti Bonetti. E tem projeto paisagístico da JA8 Arquitetura e Paisagem, da arquiteta Juliana Castro e da engenheira Clarice Wolowski.

As torres foram implantadas no terreno de maneira a conformarem um pátio central, importante elemento integrador do projeto. Nele encontram-se espaços livres abertos de lazer, as piscinas adulto e infantil, playground e horta coletiva.
A área comum ainda conta com salão de festas, brinquedoteca, espaço gourmet, bicicletário, além de espaços compartilhados de convivência, lavanderia e oficina. No total, são mais de 18 mil metros quadrados de área construída.
As plantas foram pensadas para proporcionar o aproveitamento funcional e inteligente dos espaços. A organização eficiente e a integração dos ambientes foram priorizadas no projeto dos apartamentos, de dois e três dormitórios, com unidades entre 65 metros quadrados e 140 metros quadrados.

A forte relação com a rua é outro importante diferencial do Pátio Civitas. Com gentileza urbana, o Pátio Civitas dará origem a uma qualificada alameda, com arborização, mobiliário urbano e outros equipamentos públicos disponíveis para moradores e frequentadores do bairro. Essa alameda vai estabelecer a conexão do empreendimento às demais estruturas do entorno.

Coletive-se

De caráter inovador, o empreendimento nasce sob o conceito “Coletive-se”, o qual incentiva o uso compartilhado de espaços e, também, de utensílios e equipamentos em benefício do conforto, da praticidade e da eficiência. Na área de serviços, por exemplo, o morador encontra lavanderia de uso comum, totalmente equipada.

Na oficina, além de bancadas de trabalho, estão disponibilizados, para uso compartilhado, escada, aspirador de pó, caixa de ferramentas, parafusadeira e outros utensílios de uso não frequente.

O bicicletário segue o mesmo conceito. Além de oferecer de diversas vagas para bicicletas, no subsolo das torres e no pátio interno, o Pátio Civitas ainda disponibiliza seis bikes elétricas para uso compartilhado pelos moradores.

Surpresa na entrega

A entrega das unidades deverá surpreender os clientes. Isso porque foram feitas melhorias na edificação em relação às especificações iniciais previstas no memorial, como, por exemplo, a inclusão de persianas elétricas e a instalação de fechadura digital na porta de entrada da unidade, com opções de acesso por senha, tag ou biometria.

Tecnologia e informação
Outra novidade do Pátio Civitas é a adoção de tecnologias inovadoras para a gestão das informações do empreendimento fornecidas por duas startups de Florianópolis: a Predialize e a Checklist Fácil.

A Predialize é uma plataforma para gestão eficiente do pós-obra, pela qual estarão disponibilizados o Manual do Proprietário e o Manual do Síndico de forma digital e interativa.

Por meio da leitura de um QRcode que estará fixado no quadro elétrico do apartamento, o morador terá acesso à a documentação do imóvel, plantas, especificações dos materiais utilizados, recomendações de uso, tempo de garantia, entre outras informações.

No momento da entrega da unidade, outra inovação: a adoção do Checklist Fácil – plataforma de checklist eletrônico para padronizar e otimizar as informações para a vistoria do imóvel. A plataforma fornece um roteiro de vistoria com o cliente, que permite apontar se algo não está em conformidade, tirar fotos de uma eventual irregularidade e inserir comentários. O cliente assina no próprio tablet e recebe cópia do checklist por e-mail.

Alto desempenho e sustentabilidade

O planejamento do empreendimento seguiu às determinações da NBR 15.575, a chamada Norma de Desempenho de Edificações, para garantia de qualidade e conforto e segurança. “Foram feitos estudos com o objetivo de determinar o desempenho térmico das paredes das fachadas e o desempenho acústico dos sistemas de vedações verticais externas (fachada), internas (paredes internas) e sistemas de pisos (lajes) das unidades habitacionais do empreendimento”, explica Juliana Dal Piva, arquiteta no Grupo Pedra Branca.
Segundo ela, foi feita, também, uma simulação para determinar o desempenho lumínico das unidades habitacionais, quanto ao critério de iluminação natural. Janelas com amplos vãos de abertura privilegiam a incidência de luz natural nos espaços internos.
A edificação apresenta sistema de captação de água da chuva para reuso em irrigação de jardim e nos vasos sanitários e aquecimento de água das unidades por um sistema integrado de aquecedor de passagem individual a gás e placas solares.
O Pátio Civitas é o sétimo empreendimento a ser entregue pela Cidade Pedra Branca na nova centralidade de bairro, planejada a partir dos conceitos do Novo Urbanismo e da sustentabilidade, com o objetivo de criar um bairro-cidade onde é possível morar, trabalhar, estudar e se divertir “ao alcance de uma caminhada”.

O Plano Diretor da Cidade Pedra Branca foi desenvolvido por alguns dos maiores escritórios de arquitetura de Santa Catarina sob a consultoria de especialistas de renome internacional, como Jaime Lerner Arquitetura e Urbanismo, DPZ Latin America e Gehl Architects. De caráter inovador, a iniciativa rendeu premiações e reconhecimento internacional.
http://www.cidadepedrabranca.com.br

Divulgacão: MCK Assessoria
Fotos: Lio Simas

]]>
http://mckimprensa.com.br/2020/06/patio-civitas-na-revista-onne-only/feed/ 0